• SESI/MT
  • SENAI/MT
  • IEL/MT
  • Sistema FIEMT
Voltar

Equipe de MT é campeã regional de torneio de robótica

10/02/2020 - 15h57

A equipe Brotherhood do Sesi Escola Cuiabá foi a grande campeã da etapa regional do Torneio Sesi de Robótica First Lego League (FLL). Realizado no Sesi Escola Taguatinga, em Brasília (DF), nos dias 07 e 08 de fevereiro, o evento contou com a participação de cerca de 200 competidores de 28 equipes de escolas públicas e privadas e de garagem de diversos estados brasileiros.

A edição na capital federal reuniu aproximadamente duas mil pessoas que acompanharam a evolução das equipes e torceram até o último momento.

Formada pelos estudantes Maria Júlia Rondon, 13, Natally Cândido, 12, Julia Moraes, 13, Maria Cecília Cubas e Henrique Angelo Arantes, ambos de 14 anos, e pelos técnicos Mara Farias, Ediney de Brito Junior e Nádia Pécora, a equipe conquista pela primeira vez o campeonato regional para Mato Grosso. Com o título inédito para o estado, o time segue para a fase nacional, que ocorre entre os dias 06 e 08 de março, no Pavilhão da Bienal, no Parque do Ibirapuera, em São Paulo.

Além disso, a Brotherhood foi selecionada para disputar, juntamente com outras 19 semifinalistas, o Prêmio de Inovação Global FIRST ® LEGO® League, que reconhece os times por suas invenções, demonstrando originalidade, criatividade, potencial impacto e valor. Entre os prêmios, está a assistência para desenvolver soluções, incluindo US $ 20.000 para a vencedora.

Desafios

Com o tema City Shaper - Construindo cidades inteligentes e sustentáveis, em 2020, a competição dá aos estudantes o poder de ajudar a construir cidades cada vez melhores.

Sendo um dos eventos de robótica mais conhecidos no mundo, o torneio desafia estudantes de 9 a 16 anos a pesquisar e propor soluções que possam contribuir para o desenvolvimento das cidades, bem como construir e programar robôs autônomos. Cada equipe é formada por estudantes de seis a 10 anos, tendo de quatro a seis membros cada uma, incluindo meninos e meninas.

A técnica da equipe mato-grossense, Nádia Pécora, explica que os quesitos avaliados são Projeto de Inovação, Design do Robô, Desafio do Robô e Core Values - valores que norteiam a FLL.  

Para o item Projeto de Inovação, a equipe mato-grossense apresentou o ‘Truque de Terra’ – que oferece uma alternativa sustentável e econômica na construção civil. “A proposta é fazer uma mistura de elementos específicos, pelo qual é possível reduzir significativamente o custo de uma obra, reduzindo custos e oferecendo conforto térmico. Passamos essa temporada com o foco em ser uma equipe reconhecida como um time que inspira por usar das habilidades adquiridas na robótica para impactar positivamente o mundo. Cumprimos essa missão com excelência”, comemora a psicóloga.

Conhecido como professor Fenômeno, Ediney Junior atua como técnico de equipes há três anos e destaca que o título é resultado de muito trabalho e dedicação de alunos e professores. “Sentimos que todo o processo vivido valeu a pena, quando vemos a alegria das crianças. Apenas por eles estarem na fase regional já é uma grande conquista. Claro que o troféu é um símbolo que certifica que o trabalho que estamos fazendo está correto”, afirma o técnico, acrescentando que a preparação das equipes começou em agosto de 2019.

Para o único menino membro da Brotherhood, Henrique Arantes, a experiência vivida no fim de semana foi um momento único. “É um evento que reúne crianças e adolescentes que constroem habilidades que muitos adultos, hoje em dia, têm dificuldades em desenvolver. O torneio nos prepara para o futuro. Não se trata apenas da técnica de construir um robô, a robótica nos prepara para sermos pessoas melhores, capazes de construir um país melhor”.

A superintendente regional do Sesi MT, Lélia Brun, afirma que a instituição está vibrando com o resultado apresentado pela equipe. “É um momento de grande felicidade. Esses jovens têm uma responsabilidade enorme, mas são dedicados e dão o melhor de si. O torneio exigiu esforço, disciplina, inteligência e estratégia – todo um envolvimento. Mas quando fazemos o melhor, o resultado vem. Estão todos de parabéns!”.

Além da Brotherhood, Mato Grosso também foi representado pela equipe Young Creators, do Sesi Escola Várzea Grande, que apresentou no Projeto de Inovação uma alternativa para minimizar o desperdício de recursos naturais não renováveis. O BIP (Bloco Inteligente de PET) foi criado a partir de garrafas pets de refrigerante e água e de produtos de limpeza derretidas, moldadas em blocos de 25 x 15 x 10 cm, com alta resistência e durabilidade.

Acompanhe o Sistema Fiemt nas redes sociais:

Sistema FIEMT / SESI-MT - ​​Serviço Social da Indústria
Avenida Historiador Rubens de Mendonça, 4.193 - Centro Político Administrativo
Cuiabá - MT / CEP 78049-940 | Fone: (65) 3611-1500 / 3611-1555